O “Deus esquecido” e a nossa luta diária contra o pecado

em

Quando estava preparando este texto, encontrei um livro chamado “O Deus esquecido”, de um pastor chamado Francis Chan, o livro apresenta a ideia da negligência atual das igrejas e das pessoas a respeito do Espírito Santo, do qual ele chamou de Deus esquecido. O Espírito Santo dentre todas as suas atribuições, é aquele que também nos guia contra o nosso desejo diário de pecar, e é sobre isso que quero tratar hoje.

Em João 14:15-31, Jesus nos promete o Espírito Santo, Ele diz que o Espírito não é visível, mas que morará em nós cristãos, e será o nosso conselheiro. Isso significa que aqueles que foram salvos pelo sangue de Jesus passam a ser habitação do Espírito Santo, e que Ele vai ser o nosso guia da verdade (Jo 16:12-13), aquele que nos convence do pecado, da justiça e do juízo (Jo 16:7-11). Portanto podemos concluir que quando estamos pecando, fazendo algo que atente contra Deus, aquela sensação de tristeza, amargura e arrependimento é o agir do Espírito, é Ele se manifestando de forma a mostrar que estamos entristecendo a Ele, pois estamos agindo contra a vontade de Deus.

A ideia de que o Espírito Santo é um Deus esquecido pode se dar ao fato de não termos sua revelação pessoal tal como Jesus e Deus Pai, contudo isso não significa que Ele não conhece o nosso agir ou que não é onipresente tal como as outras figuras da trindade. Veja por exemplo que no livro de Salmos capitulo 139, versos 7 e 8, o salmista exclama que não podemos fugir da presença do Espírito, pois em qualquer lugar Ele estará. Veja que isso não é ruim, na verdade saber disso é motivo de grande paz para nós, pois uma vez que estamos perdidos pecando, ou entristecidos com as coisas do mundo, o Espírito, que é Deus, está conosco.

Em Atos, capítulo 5 versículo 4, temos um relato importante quanto ao Espírito de Deus, Ananias parecia estar fazendo uma boa obra para que os homens vissem nele uma pessoa piedosa que estava honrando a Deus, contudo ele mentiu, ele não havia doado parte do que havia vendido, antes havia retido uma parte para seu próprio gozo. Então o apóstolo exclamou a ele que ao fazer isso ele não estaria mentindo a homens, mas a Deus. É importante observarmos a forma que foi tratada essa passagem para percebemos que mesmo quando pensamos que ao pecar ninguém está olhando, o Espírito de Deus sabe o que fizemos, e não podemos fugir dEle.

Termos como habitação o Espírito Santo de Deus é um grande tesouro em nossa vida, a Palavra nos ensina que todos os dias lutamos contra o pecado. O Espírito, porém parece ser aquele que nos empurra e guia contra o pecado, que nos ajuda a trilhar uma vida que honre a Deus, nos mostrando a Verdade que Ele nos ensinou. O Espírito também se entristece ao nos ver pecando (Ef 4:30) e por isso devemos criar mais o hábito de orarmos e pedirmos a Ele que encha nossos corações e nossa alma, de modo que possamos ser mais parecidos com Cristo, em uma vida santa e correta.

“A mente do homem é um cavalo feroz, indomável e manipulado. Onde somente o Espírito Santo tem o poder de amansar.”

Willian Mateus

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s